Phone: (12) 39415199    E-mail: Contato@reproferty.com.br

Gestantes

A mulher

Apesar de, nestes tempos modernos, a mulher ocupar cargos de destaque iguais aos dos homens no campo profissional e dedicar-se à carreira e a formação técnica, ela tem uma função biológica que independe da sua vontade: gerar a vida e preservar a continuidade da humanidade.
Mais cedo ou mais tarde, a grande maioria delas atende ao chamado do desejo de ser mãe. E seu corpo e sua vida passam por grandes transformações.

 

A concepção

Quando o espermatozóide encontra o óvulo e o fertiliza, uma nova célula, única, é criada. Esta célula vai se dividindo rapidamente enquanto percorre pelas tubas uterinas até o útero, viagem que dura cerca de uma semana. Quando chegar ao destino já serão dezenas de células, formando uma massa que irá aderir a parede do útero, tendo início, então, o desenvolvimento embrionário.

 

A mulher-mãe

Antes mesmo de haver atraso na menstruação, a mulher pode identificar os primeiros sintomas de que uma nova vida está sendo gerada dentro dela. Os seios parecem mais cheios, ficam sensíveis, doloridos e com as auréolas mais escuras.
Não é incomum a ocorrência de náuseas e vômitos. A bexiga, pressionada pelo aumento do útero, deve fazer com que a mulher urine com mais frequência. Apesar de não haver barriga aparente, o corpo está passando por uma revolução e algum cansaço pode ser normal.
Em geral, o atraso na menstruação é o sinal definitivo para que a mulher procure um médico e faça um exame de urina ou de sangue, que deverá detectar o aumento do hormônio HCG, que confirmará a gravidez.

 

Estou gravida!

É hora de se cuidar. Como reza a sabedoria popular, gravidez não é doença, mas exige algumas providências e mudanças de hábitos que contribuirão para seu bem estar e do seu bebê.